O que fazer na crise do óleo

O que fazer na crise do óleo

Publicado em:
23/10/2019
No items found.

O vazamento de óleo nas praias do nordeste é o maior acidente ambiental em extensão registrado no Brasil. Já são mais de 2200 km de óleo no litoral, 900 toneladas de petróleo retirados dos oceanos e 200 cidades atingidas por enquanto. Pescadores e sociedade civil estão limpando, com as próprias mãos, sem equipamento de proteção adequada, se intoxicando pra salvar a vida e o litoral. Precisamos parar de romantizar a luta do povo que tenta impedir o dano ambiental: onde estão as autoridades?

Os mutirões são incríveis, mas estão colocando a população em risco. O petróleo é retirado das areias, mas não é possível impedir o dano aos ecossistemas sem a força da marinha e do governo federal. Temos um plano nacional de contingência pra acidentes em caso de poluição de óleo, que existe desde 2013, mas sequer foi acionado. Comitês e órgãos inerentes a esse plano foram desmontados em abril desse ano

Até quando vamos fingir que não existe gravidade nesse problema? Até quando vamos ignorar a dimensão desse crime ambiental negligenciado pelas autoridades brasileiras? Segue algumas instituições e campanhas que estão aceitando doações pra comprar equipamentos necessários pra limpeza (luvas de PVC, máscaras N95, botas de cano alto, camisas UVA de manga comprida, água!). Decidimos reunir aqui os pontos de doação que recebemos notícia, as campanhas de recolhimento de dinheiro e os perfis que estão focados em informar todo mundo sobre o que tá acontecendo.

Perfis que estão no front

@xoplastico

@recifesemlixo

@salvemaracaipe

@guardioes_do_litoral

@greenpeacebrasil

Campanhas de arrecadação de doações

Combate ao óleo no Nordeste

Salve o Mar da Bahia

Lutando pela recuperação ambiental da nossa natureza

Banco do Brasil
Ag. 1837-6
C.c 37077-0
Daniel Brandt Galvão
CPF. 065.966.134-96

Caixa Econômica Federal
Ag. 1294
Operação 013
Conta poupança 00046569-5
Larissa Araujo da Silva
CPF. 114.820.684-19

E, todos os dias, COBRAR das autoridades PROVIDÊNCIAS pra cuidar da população que está se arriscando pra limpar os oceanos. Existe um plano de contingência pra casos como esse e ele sequer foi acionado. Vamos juntos?

Menos 1 Lixo
Por:
topo
Gostou do texto?
Compartilhe nas redes sociais esse conteúdo que você acabou de ler e ajude a espalhar a mensagem!
Sobre o movimento

Em 1º de Janeiro de 2015 nascia o Menos 1 Lixo, um desafio pessoal da Fe Cortez, de produzir menos lixo e provar que atitudes individuais somadas constroem um mundo mais sustentável.

Nossas redes
Editorias
Tags em destaque

VOCê TAMBÉM PODE GOSTAR DE:

Vamos Juntas!

Assine a nossa Newsletter e fique por dentro de tudo que acontece no Menos 1 Lixo!
Obrigado! Sua inscrição foi feita com sucesso!
Oops! Something went wrong while submitting the form.