Menos 1 Carne

Menos 1 Carne

Publicado em:
11/3/2019
No items found.

Você não precisa ser vegetariana ou vegetariano pra impactar menos o planeta quando falamos do consumo da carne vermelha. Uma das principais pautas da sustentabilidade é o consumo excessivo da carne. A pecuária é a maior responsável pelo desmatamento na Amazônia e é por isso que o Brasil recebe cada vez mais adeptos à dieta vegetariana. A indústria da carne é a que mais consome recursos naturais no mundo! Uma vaca, por exemplo, precisa de 10 a 15 quilos de cereais para oferecer 1 quilo de proteína.

E, segundo um relatório da WWF, o Apetite pela Destruição, hoje, 6 frangos têm a mesma quantidade de ômega 3 do que metade disso há 40 anos. E nós consumimos muito mais proteína animal do que o necessário, gerando um impacto muito negativo ao meio ambiente:

60% da perda da biodiversidade tem relação com o que a gente come.

A produção de 1 kg de carne bovina é responsável pela emissão de 335 kg de CO2, o equivalente a andar por 1600 km de carro. No Brasil, o setor pecuário é responsável por 80% do desmatamento da Amazônia. E grande parte dos cereais vão para a alimentação dos animais: 97% da soja e 60% do milho é destinado para esse fim. A WWF já afirmou que até 2050 vamos produzir mais 80% de soja para a produção de carne.

1 kg de carne consome quase 16 mil litros de água, o que uma pessoa precisa pra viver por 4 meses, segundo a ONU. O gado é o maior consumidor de recursos hídricos da cadeia. E quem consome carne todos os dias, demanda quase 4 mil litros. O relatório também apontou que, em 2014, havia 3 aves por pessoa no mundo.

Tá, agora você deve estar revirando os olhos por aí porque não quer parar de comer carne e ser vegetariano. Tudo bem, a gente pode exercer sustentabilidade caminhando com passos de formiga: o importante é pensar sobre o assunto e consumir de maneira consciente. Porque o excesso de carne gera também o desperdício, algo que já falamos aqui. E como podemos contribuir sem parar de consumir?

Ilustração: Kirsten Dill

Você já ouviu falar na Segunda sem Carne?

Já que segunda é o dia mundial da dieta, que tal investir na dieta da carne? O movimento começou em 2003 nos EUA e tem como um dos seus maiores representantes o ex-beatle Paul McCartney e as filhas Mary e Stella (que também é uma referência da moda sustentável pelo mundo). No Brasil, o ponta-pé aconteceu em 2009. O movimento busca conscientizar as pessoas de que o excesso do consumo da carne pode ser fatal pro meio ambiente, para os animais e a nossa saúde e já tem muitos adeptos que começaram assim e hoje são vegetarianos.

Segundo dados do Cancer Research UK, 21% dos casos de câncer de intestino estão conectados ao consumo da carne vermelha. Bastante, né?

Mas aí você deve estar revirando os olhinhos de novo, pensando que deixar de comer carne 1 diazinho só não vai adiantar de nada. Então, segura mais um pouquinho! Segundo o movimento, se cada americano ficasse uma refeição sem comer carne, seria o mesmo que retirar meio milhão de carros das ruas!

O Brasil é o maior entusiasta do movimento Segunda sem Carne.

Já tá sabendo? A terra do churrasco e do filé Osvaldo Aranha se compromete com a causa e dá um show. Um dos braços do movimento por aqui é a implementação da Alimentação Escolar Vegetariana que rola na rede pública do município de São Paulo desde 2011. Lá, são poupados 436 mil kg de carne por ano com a adesão de 1 milhão de alunos. Os restaurantes populares também aderiram e, no ano passado, foram 34 toneladas de carne poupadas com mais de 4 mil pessoas comendo pratos vegetarianos às segundas-feiras. Ainda acha que não faz diferença?

É só um dia na semana e você vai poder colocar toda a sua criatividade em prática, comer bem e impactar positivamente o planeta.Já pensou quantos pratos novos dá pra experimentar no primeiro dia da semana? A equipe do movimento fechou uma parceria com a Sociedade Vegetariana Brasileira pra mergulhar na campanha e chamar toda a nossa comunidade pro Segunda sem Carne. Todo início de semana, vamos postar lá no @menos1lixo os nossos pratos, desafios e delícias do processo. E vai ser incrível, porque por aqui tem de tudo: veganas, vegetarianas, pecetarianas, onívoras... então o desafio é real oficial e vamos juntas nessa mudança. Um dia de casa vez :)

A ideia é, daqui 2 meses, mergulharmos no próximo passo: o desafio dos 21 dias veganos. Mas a gente fala sobre isso mais pra frente. Quem vem?

Compartilha seu processo com a gente, com a #menos1carne

Menos 1 Lixo
Por:
topo
Gostou do texto?
Compartilhe nas redes sociais esse conteúdo que você acabou de ler e ajude a espalhar a mensagem!
Sobre o movimento

Em 1º de Janeiro de 2015 nascia o Menos 1 Lixo, um desafio pessoal da Fe Cortez, de produzir menos lixo e provar que atitudes individuais somadas constroem um mundo mais sustentável.

Nossas redes
Editorias
Tags em destaque

VOCê TAMBÉM PODE GOSTAR DE:

Vamos Juntas!

Assine a nossa Newsletter e fique por dentro de tudo que acontece no Menos 1 Lixo!
Obrigado! Sua inscrição foi feita com sucesso!
Oops! Something went wrong while submitting the form.