São Paulo Fashion Week: 20 anos e muita sustentabilidade

17/4/2015

Essa semana está rolando a 39ª edição da São Paulo Fashion Week. O evento completa 20 anos em 2015 e, temos que tirar o chapéu, sustentabilidade é um tema recorrente em sua pauta. Quem não lembra do cenário de módulos de papelão, feito pelo Estúdio Árvore, que cobria as paredes da Bienal? Tudo reciclado. E dos pallets?  Mas, além do cenário, teve muita ação bacana.

Em 2012, a Sabesp – Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo – distribuiu copinhos de água  nos backstages dos desfiles e na sala de imprensa, para divulgar o projeto do governo estadual de despoluição do Rio Tietê e incentivar o uso consciente da água. A edição também ganhou destaque com o uso de madeira reciclada. No térreo da Bienal, os móveis do bar da cerveja Miller eram todos de madeira reciclada. Quer mais? O lixo, obviamente, também foi reciclado, e usaram nos geradores de energia o combustível biodiesel, cuja queima não contribui para o aumento das emissões de CO2 na atmosfera.

Em 2013, o tema foi Sustentabilidade na Moda, sugerido ao idealizador e diretor criativo da SPFW, Paulo Borges, pelo designer Marcelo Rosenbaum, que montou nos pavilhões e corredores do evento uma exposição de fotos, vídeos e obras baseados em seu projeto “A Gente Transforma”, desenvolvido em Várzea Queimada, no Piauí. A tendência sustentável recebeu ainda atenção especial do estilista Jefferson Kulig, que elaborou a coleção verão 2013 substituindo todo o processo químico de fabricação do tecido, como a etapa de curtume, por processos enzimáticos, os quais geram resíduos bem menos impactantes ao meio ambiente e ainda economizam  água e energia.

Foi também numa São Paulo Fashion Week de 2014 que um dos maiores nomes da moda brasileira, Ronaldo Fraga, em parceria com a empresa Rhodia, lançou o fio biodegradável, que se desintegra 50% em pouco mais de um ano dentro de aterros sanitários. O lançamento é exclusivo, inédito e tem tecnologia brasileira. O fio, que mantém a qualidade da poliamida, tem toque macio, é confortável, absorve a umidade e é de fácil manutenção. A previsão para chegada ao mercado é em maio. Nesta edição que terminou ontem, a campanha não deixou de ser sustentável: a moda feita por gente. Gente que se ajuda, que coopera. O empoderamento do indivíduo. Juntos podemos mais. É isso aí.  

Foto do banner: The Wasted Blog
Gostou do texto?
Compartilhe nas redes sociais esse conteúdo que você acabou de ler e ajude a espalhar a mensagem!
Sobre o movimento

Em 1º de Janeiro de 2015 nascia o Menos 1 Lixo, um desafio pessoal da Fe Cortez, de produzir menos lixo e provar que atitudes individuais somadas constroem um mundo mais sustentável.

Nossas redes
Principais tópicos
Tags em destaque

VOCê TAMBÉM PODE GOSTAR DE:

Vamos Juntx!

Assine a nossa Newsletter e fique por dentro de tudo que acontece no Menos 1 Lixo!
Obrigado! Sua inscrição foi feita com sucesso!
Oops! Something went wrong while submitting the form.