Mudando o mundo pela gestão evolutiva

Publicado em:
11/6/2019
No items found.

Eu não sei se você conhece o movimento de perto, mas o Menos 1 Lixo é um negócio de impacto socioambiental de fora pra dentro e de dentro pra fora. Trabalhamos com pessoas e para pessoas, levando conscientização através das redes sociais, dos nossos conteúdos audiovisuais e, claro, por aqui :)

Desenvolver uma empresa que tem como valor a mudança de comportamento é um desafio, muito porque esse desenvolvimento precisa ser interno, na rotina de trabalho, entre as reuniões, nas contratações, e na e para as equipes. Se você tá ligadinhx por aqui sempre, sabe que o Menos 1 Lixo teve um crescimento power hiper mega flash, o que faz desse processo ainda mais desafiador. Mas tudo bem, porque faz parte da caminhada abraçar e acolher o que acontece com a gente.

Em 2019, o próximo passo é transformar uma empresa que era micro em um modelo de negócio em que todo mundo consiga exercer sua voz, sua criatividade e seu lugar no mundo. O Menos 1 Lixo é um espaço de valorização da troca e da co-criação. Por aqui, todo mundo se acolhe, tropeça, partilha e celebra. Juntxs :)

Mas e aí? Como faz isso?

Nós acreditamos na força da rede e procuramos uma galera que tem toda a expertise pra nos dar as mãos nesse processo: a cuidadoria. Em março, as lideranças do Menos 1 Lixo mergulharam no curso de Formação de Líderes Evolutivos, uma experiência única. E é isso que eu quero contar pra vocês hoje :)


O Curso

Mas o que é uma formação em liderança evolutiva? É mágico, people! O curso tem como objetivo dar as mãos para as lideranças que querem entender os novos desafios que o mundo apresenta, com toda essa agilidade no tempo, na tecnologia e nos nossos impactos, claro. Durante a formação, a gente entende quais são as nossas habilidades, os nossos valores e como podemos aplicar todas as nossas capacidades no trabalho.

O curso também oferece bagagem pro desenvolvimento de ferramentas de gestão colaborativa, orientadas pelo propósito e nos resultados coletivos, desafiando a maioria dos modelos de gestão que se repetem no mercado. E por que isso é importante? Bom, todo mundo já sabe que a nossa maneira de lidar com o trabalho tá bem perigosa. Recentemente, a OMS incluiu a síndrome de Burnout como um fenômeno ocupacional, por conta do estresse de um ambiente de trabalho que não foi gerenciado com sucesso.

E toda a troca é feita online, ou seja, dá pra fazer de qualquer lugar do mundo. E a mágica se potencializa aí mesmo, quando tem compartilhamento de propósito pelo Brasil inteiro :)

Em um momento lindo de troca com (e na) natureza, em uma das imersões propostas pela formação


E o que isso tem a ver com o Menos 1 Lixo?

Você já parou pra pensar como a nossa relação com os plásticos descartáveis e a nossa negligência em relação aos nossos impactos no planeta são resultado de uma sociedade egoísta e que não valoriza o coletivo? Descartar 10 milhões de toneladas de lixo plástico nos oceanos, matando milhões de animais marinhos e ignorando o tamanho do problema que estamos causando pra nossa única casa tem tudo a ver com a péssima gestão das organizações. E da nossa relação com o planeta.

A gente sempre fala por aqui que todas as suas escolhas são um ato político e, claro, refletem no tipo de ativismo que você quer carregar com você. Se passamos mais horas da nossa semana trabalhando, certamente a nossa relação com o trabalho é uma escolha bem poderosa. Isso passa pela nossa relação com as nossas tarefas, os nossos colegas, a nossa equipe, o nosso tom de voz e até como tomamos decisões. Você exerce a escuta empática no seu trabalho? Compartilha os desafios de verdade? Pensa como tudo isso atinge diretamente a sua relação com a sua vida, os ecossistemas, a saúde do planeta e com você mesmo.

O Menos 1 Lixo busca essa mudança de mindset no trabalho também, empoderando a equipe, as pessoas, as relações e a rotina.

Só dá pra mudar o mundo com a força coletiva, com (muito) amor e com empatia.

E essas habilidades foram extremamente praticadas e celebradas durante o curso da cuidadoria. O trabalho coletivo, a escuta ativa, o auto conhecimento e o acolhimento foram só alguns dos pontos que trabalhamos juntxs. Durante a formação, fizemos duas imersões lindíssimas, que potencializaram todo esse aprendizado: uma elas na Chapada dos Veadeiros, onde nos conectamos com a natureza, exercitamos a biomimética e a atenção plena e trabalhamos o nosso pertencimento no planeta, na exuberância dos ecossistemas e como podemos agregar a tudo isso sem destruição. Foi lindo :) A imersão em Bragança Paulista também foi incrível, com muita prática de facilitação, escuta empática e ferramentas de transformação.


Foram nas imersões que conhecemos dois projetos que inspiraram demais o Menos 1 Lixo, a Escola Vila Verde, que revolucionou o modelo de educação da região, trazendo o aluno como protagonista nas tomadas de decisão do seu próprio aprendizado e o projeto de Agrofloresta do Centro de Estudos Budista de Alto Paraíso.

E a parte mais bonita disso tudo é que não fizemos nada sozinhxs, bem do jeitinho que a gente gosta. A formação nos trouxe a certeza de que podemos mudar as organizações, cuidar das pessoas e mudar o mundo, se ninguém soltar a mão de ninguém, sabe? Conhecemos pessoas profundamente inspiradoras e que agregaram (e agregam) a nossa caminhada como movimento, como lideranças e como indivíduos.

E essa união foi selada pelo amor da cuidadoria, um time com diferentes experiências no mundo corporativo e com um valor lindo em comum, a economia do cuidar. A cuidadoria oferece a bagagem de quem quer cuidar do mundo a partir das pessoas e das organizações, uma proposta que agrega muito ao Menos 1 Lixo. A cuidadoria compartilha ferramentas, investe nas habilidades complementares, divide conhecimento e muito acolhimento no processo de aprendizagem da formação. Eles preparam um ambiente de confiança indescritível, que permite o desenvolvimento de uma nova visão de mundo, sem julgamentos, sem culpa e com muito (muito!) amor.

E a formação se dá em paralelo com a construção de um projeto, que pode ser individual ou em grupo, para colocar em prática algum sonho, com apoio das mentorias incríveis dos coachs da cuidadoria. Dali surgem ações e ideias inimaginavelmente inspiradoras :) O Menos 1 Lixo construiu um projeto para a própria organização, com uma base fundamental de ferramentas e reflexões nas mentorias, sobre a nossa própria atividade como coletivo, negócio de impacto e do nosso propósito. É o exercício de que juntxs somos muito mais fortes, sabe?

É super importante dividir essa formação com quem tá aqui todos os dias com o Menos 1 Lixo. Ela foi transformadora em muitos aspectos, de dentro pra fora, de fora pra dentro, da organização para o mundo.

Estamos nos empoderando e sendo empoderados no mesmo propósito de transformação.


A economia do cuidar tem tanta conexão com o propósito do movimento, que convidamos esse time para estrear uma editoria linda aqui no site do Menos 1 Lixo, pra compartilhar e inspirar mais e mais pessoas que precisam saber que não estão sozinhxs. Raul Seixas já dizia… sonho que se sonha junto é realidade!

Curtiu o curso? Dá um clique aqui pra saber tudo e mergulhar de cabeça em uma das formações que ajudam o Menos 1 Lixo a ser cada dia mais um agente de transformação.

Nina Marcucci
Por:
meio
Gostou do texto?
Compartilhe nas redes sociais esse conteúdo que você acabou de ler e ajude a espalhar a mensagem!
Sobre o movimento

Em 1º de Janeiro de 2015 nascia o Menos 1 Lixo, um desafio pessoal da Fe Cortez, de produzir menos lixo e provar que atitudes individuais somadas constroem um mundo mais sustentável.

Nossas redes
Editorias
Tags em destaque

VOCê TAMBÉM PODE GOSTAR DE:

Vamos Juntas!

Assine a nossa Newsletter e fique por dentro de tudo que acontece no Menos 1 Lixo!
Obrigado! Sua inscrição foi feita com sucesso!
Oops! Something went wrong while submitting the form.